Tratamento cirúrgico das lesões de Lisfranc com o uso de botões de sutura intraósseos

relato de caso

  • Guilherme H. Saito
  • Alberto A. M. Mendes
  • Danilo R. C. Nishikawa
  • Cesar de Cesar Netto
  • Beatriz P. Devito
  • Marcelo P. Prado
Palavras-chave: Articulações tarsianas/lesões, Ossos do metatarso/lesões, Traumatismos do pé/cirurgia, Luxações/cirurgia

Resumo

A fixação primária com parafusos e/ou placas ou a artrodese primária são consideradas o padrãoouropara o tratamento das lesões de Lisfranc. No entanto, esses procedimentos apresentamalgumas potenciais desvantagens, como a perda de mobilidade articular, a necessidade de retiradado material de síntese e o potencial dano à cartilagem articular pelos parafusos transarticulares. As suturas intraósseas com o uso de botões pode ser utilizada como uma técnica alternativa parao tratamento das lesões de Lisfranc, com o potencial de contornar algumas das limitações dastécnicas tradicionalmente utilizadas. Nesse relato, descrevemos a técnica cirúrgica para fixação daarticulação da Lisfranc com o uso dos botões de sutura intraósseos e apresentamos o caso de umpaciente tratado com sucesso com o uso desse dispositivo.

Biografia do Autor

Guilherme H. Saito

Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo, SP, Brazil.

Alberto A. M. Mendes

Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo, SP, Brazil.

Danilo R. C. Nishikawa

Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo, SP, Brazil.

Cesar de Cesar Netto

Hospital for Special Surgery, New York, NY, USA.

Beatriz P. Devito

Facudade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein; Hospital Israelita Albert Einstein, Sao Paulo, SP, Brazil.

Marcelo P. Prado

Hospital Israelita Albert Einstein, São Paulo, SP, Brazil.

Publicado
20-12-2018
Como Citar
Saito, G. H., Mendes, A. A. M., Nishikawa, D. R. C., Netto, C. de C., Devito, B. P., & Prado, M. P. (2018). Tratamento cirúrgico das lesões de Lisfranc com o uso de botões de sutura intraósseos: relato de caso. Tobillo Y Pie, 10(2), 117-120. Recuperado de https://jfootankle.com/tobilloypie/article/view/1358
Seção
Relato de Caso